Iniciando no Ministério Jovem

Este post tem como objetivo dar as principais diretrizes para o líder (diretor/coordenador) jovem que está iniciando no Ministério agora e necessita de ajuda para os primeiros passos. Iremos discorrer as principais características do ministério jovem, as maiores necessidades do líder, planejamento e organização de equipe de trabalho, e etc.

Então, sente-se, pegue caneta, papel, sua Bíblia e peça a Deus em oração que lhe guie nesta nova (e maravilhosa) etapa de sua vida. “[…] por que quando se lida com jovens, é necessário trabalhar com diligência e esforço. É a mais difícil, porém a mais vela obra que Deus nos tem confiado“.(Malcolm Allen, Salvação e Serviço, p 18)

Ressaltamos que Guia do Líder JA é apenas um meio para complementar e auxiliar os líderes novos e veteranos no trabalho com os jovens, e que, para maiores informações e auxílio com o Departamento Jovem de sua igreja, você deve procurar pessoalmente o seu Coordenador Distrital/Regional e o Pastor Distrital, que lhe oferecerão todo o material de apoio necessário em conjunto com o Ministerial da Associação/Missão.

Senso de Missão

Você foi chamado, escolhido, convocado para fazer parte da seleção campeã do Senhor Jesus, em prol da salvação de uma juventude inserida num mundo corrupto, concupiscente, atraente, que tem levado tantos à destruição moral e física. O líder do ministério jovem precisa saber e acreditar que seu chamado não foi um acaso do destino ou um ato de “não há outra opção”, afinal, Deus efetua em nós “tanto o querer quanto o realizar”, e estando ao controle de tudo neste universo Ele escolheu você para ser capacitado pelo Espírito a realizar esta grande obra.

Lembre-se: a obra não é sua, é de Cristo. Mas você faz parte da equipe de ceifeiros enviados à ceara em resposta às orações dos discípulos há dois mil anos atrás (Mateus 9:38). Deus deseja ver o uso de nada menos que todas as suas forças, dons e talentos em prol deste ministério. A recompensa pelo esforço para salvação de almas é sempre maior do que a gente possa imaginar.

Se a tristeza aproximar-se, as dificuldades cercarem, e o senso de incapacidade tomar conta da mente, lembre-se que “os que confiam […] no Senhor voam alto como águias, correm e não se cansam” (Isaías 40:31). Então, tome suas asas e voe sobre os problemas, assim você poderá enxerga-los de um outro ângulo, e perceber que não são tão grandes quanto parecem.

Fundamentação Bíblica e Profética

É bíblica a mensagem de que os jovens são fortes, e por conhecer o Pai, já tem vencido o Maligno. Ellen G. White declara, em Mensagem aos Jovens,página 204 , que os jovens quando bem consagrados são capazes de grandes coisas. Assim, é certo que, buscando em Deus iluminação e sabedoria, o trabalho no ministério jovem renderá grandes frutos, a curto, médio e longo prazo.

Como líder, alguém que guia, dá o norte ao grupo, você deve buscar na bíblia e nas profecias a base do seu trabalho. O maior objetivo do trabalho no ministério Jovem deve ser Salvar do Pecado e Guiar no Serviço, leva salvação aos jovens da igreja e fora dela, os capacitando para salvar outros, mas isso só pode ser feito se for utilizada a palavra de Deus para os motivar.

Desenvolva o hábito do estudo diário das Escrituras e busque inserir isso na vida dos jovens os quais você liderar, o mais importante é “fazer com que os jovens abram suas Bíblias, para então o Espírito fazer o resto”. Um jovem só pode mudar seu jeito de falar, agir e se vestir (para um jeito semelhante ao de Jesus) se o Espírito Santo o transformar de dentro para fora, e isso só é possível se ele for ensinado a ter comunhão com Cristo.

Organização de Equipe e Funções

Como já dizia o sábio Salomão, “é melhor ter companhia do que estar sozinho, por que maior é a recompensa do trabalho” (Eclesiastes 4:9 NVI) no ministério jovem, assim como em qualquer outro ministério de salvação de pessoas, é preciso trabalhar em equipe, dividir tarefas e reconhecer limitações.

Você jamais conseguirá alcançar o sucesso se tentar fazer tudo sozinho. Então, prepare-se para fazer parte de uma ótima equipe de trabalho. A equipe do ministério jovem se subdivide em três níveis, os quais possuem suas particularidades, que trataremos a seguir:

1º nível – Diretoria Jovem: Equipe eleita pela comissão de nomeação da igreja local formada por:

  • Diretor
  • Diretor(es/as) Associado(os/as)
  • Secretário(a)

2º nível – Comissão Jovem: Equipe eleita pela Diretoria Jovem em reunião com o pastor Distrital, formada por:

  • Diretor(a) Missionário
  • Diretor(a) Social
  • Diretor(a) Musical
  • Diretor(a) Espiritual
  • Diretor(a) Material (Almoxarifado)

3º nível – Comissão Executiva

Formada pelos membros dos dois níveis anteriores mais os seguintes:

  • Pastor Distrital
  • Primeiro Ancião
  • Diretor Missionário (igreja)

A Comissão Executiva do Ministério Jovem realizará uma reunião para o planejamento e elaboração do plano de trabalho para o ano corrente, definir as atribuições de cada membro da comissão. Devem ser levados em considerações os módulos de trabalho JA, conforme Manual Jovem, assim também como as atividades propostas no calendário anual da Associação/Missão.

É importante também, nesta primeira reunião, realizar uma análise do cenário em que a sociedade jovem estará inserida, as melhores formas de alcançar os jovens, traçar e propor os principais objetivos a serem alcançados a curto, médio e longo prazo, desenvolver uma senso de missão e o pensamento que norteia o grupo. Você pode estudar em detalhes a estruturação do Ministério Jovem no capítulo Planejamento e Sucesso, página 33, do Manual Jovem.

Organização da Sociedade Jovem

Após estabelecer os objetivos a serem alcançados pelo ministério jovem, é o momento de agir e envolver a juventude e a igreja no trabalho. Neste momento, a direção possivelmente já tenha analisado o aspecto mais forte de formação de grupos na igreja, assim buscando utilizar este aspecto como base para um trabalho bem sucedido.

A Diretoria Jovem (1º nível) deve realiza o cadastramento de todos os membros da sociedade jovem seja ele em formulários ou no sistema de intranet, conforme a forma utilizada na sua Associação/Missão. Os membros cadastrados são classificados em três categorias:

  • Aspirantes: jovens acima de 15 anos e/ou não batizados;
  • Regulares: jovens de 16 a 35 anos, batizados e ativos, e jovens acima de 35 anos que exerçam função de diretoria;
  • De Honra: jovens a partir de 35 anos.

Após cadastrados e classificados, os membros são reunidos em Grupos de Ação Jovem (GAJA) para a realização das atividades no decorrer do ano. Para a formação dos GAJAs leve em consideração o modelo mais forte de união e ação de sua igreja – Pequeno Grupo, Classe de Escola Sabatina, Unidade de Ação, Duplas Missionárias – ou dividir de forma homogênea os jovens “fortes” entre os gajas. O GAJAs devem possuir a mesma quantidade de membros, e serem pares (2,4 ou 6 GAJAs). Não há necessidade de separação de grupos por gênero.

Para os GAJAs, serão eleitos pelos seus membros, o líder (representante) do GAJA, seu vice e o secretário. Estes serão os responsáveis em segunda instância pelos membros do GAJA e pelo repasse dos relatórios de atividades à direção jovem. Se você já está familiarizado com o Clube de Desbravadores, o GAJA é equivalente à Unidade.

Talvez você já tenha percebido: o objetivo aqui é segregar a maior quantidade de funções possíveis, de forma que maior quantidade de jovens estejam envolvidos de alguma forma com os meios de liderança, e sejam assim, capacitados a liderar e formar líderes.

Materiais

Estão à sua disposição os mais diversos materiais de apoio, desde manuais específicos à bibliografias para aprofundamento em liderança jovem. Você pode começar verificando nossa lista de Dicas de Leitura, aqui no blog, e já ter a certeza que precisa adquirir com urgência pelo menos dois livros: Manual Jovem e Salvação e Serviço.

O ministério e/ou sociedade jovem precisará de materiais de uso tais como:

  • Livros de Atos, Ata e Caixa
  • Pasta Portfolio para Relatórios
  • Bandeira JA
  • Bandeira do Brasil
  • Bandeira do Estado
  • Bandeira do Município
  • Bandeira da Sociedade / Equipe Distrital / Região

É necessário que a sociedade jovem implante uma biblioteca (Clube do Livro) em sua igreja local, para tal são necessários pelo menos um livro de cada temáticas a seguir:

  • Missão
  • Testemunho
  • História da Igreja
  • Natureza e Ciência
  • História do Adventismo
  • Espírito de Profecia
  • Religião e Filosofia Cristã
  • Namoro
  • Mídia
  • Criacionismo
  • Liderança Cristã

Reuniões

As reuniões da Comissão Executiva deverão obedecer uma regularidade, conforme planejado e acordado na primeira reunião. Estas reuniões periódicas tem o objetivo de planejamentos a curto e médio prazos (meses, bimestres, etc.) e avaliação dos objetivos estabelecidos e alcançados, assim como para eventuais correções, adições ou adaptações das metodologias empregadas. Aconselha-se que a periodicidade destas reuniões da Comissão Executiva sejam:

  • No mínimo uma vez por mês, para sociedades jovens;
  • No mínimo uma a cada dois meses, para reuniões distritais (coordenador com os diretores);

Além das reuniões de planejamento, as sociedades jovens devem manter a regularidade das reuniões com os jovens e amigos da sociedade. Encontros, cultos e atividades com os jovens são um grande meio de fortalecer os jovens e o relacionamento entre estes.

De acordo com pesquisas realizadas pelo Pastor Barry Gane – relatadas no livro O Caminho de Volta, Capítulo 8 – igrejas onde há atividades e encontros jovens no mínimo duas vezes por semana tem um alto índice de crescimento, assim como de maior interesse dos jovens pelas coisas espirituais e evangelísticas. Ao contrário de igrejas que realizam atividades apenas uma vez por semana, ou irregularmente, ou ainda não realizam, onde os jovens sentem-se “abandonados”, desinteressados, e sentem que o crescimento da igreja tem-se estagnado ou regredido.

Assim, ao instalar ou trabalhar com ministério jovem local, a equipe jovem deve buscar promover aos jovens, tantas quantas oportunidades de se reunirem durante a semana quantas forem possíveis. Sejam elas culto jovem, classe de estudo da Lição, classe de estudo bíblico, ensaios, reuniões para almoço, momentos de lazer no sábado à noite, esportes, etc. Ao fim, será perceptível o alcance e envolvimento dos jovens no grupo.

Calendário – Planejamento Anual

Como dito alguns tópicos acima, a organização é primordial para o bom funcionamento do Ministério Jovem, e para isso é imprescindível o planejamento das atividades a serem realizadas durante o ano.

Com base no calendário da Associação/Missão, a coordenação distrital adequará o calendário de atividades jovens que envolvem todo o distrito e repassará este para avaliação e aprovação pelo Pastor Distrital e Departamental.

Com o calendário distrital aprovado em mãos, a Comissão Executiva organizará as atividades a serem realizadas durante o ano, de acordo com os dois calendários acima, de forma a não estabelecer datas para atividades que conflitem com atividades do distrito ou campo (associação/missão). Após finalizado, este planejamento anual deve ser submetido à análise da comissão local da igreja. Se aprovado, uma cópia é arquivada com a ata de aprovação, e outra cópia de ambos encaminhada ao coordenador distrital.

Ressaltamos a importância de o planejamento sempre estar adequado ao calendário superior e às atividades da igreja – local e distrital – buscando sempre a harmonia entre ambos. De modo a realmente evitar contratempos com sobreposição de datas. No caso de mudanças necessárias ao calendário após sua aprovação, a alteração deve ser analisada e aprovada, e assim arquivada junto à primeira cópia – em ambos os níveis: distrital e local.

Seguro

Com o planejamento anual aprovado, o ministério jovem possui uma gama de atividades a realizar à sua frente. Algumas destas atividades podem envolver passeios ao ar livre, acampamentos, esportes, enfim. A sociedade, assim como cada jovem, necessitam estar protegidos para eventuais incidentes. Para isto foram criados os Seguros contra Acidentes Pessoais Anual e Excursão, obrigatórios à sociedade jovem para seu funcionamento amparado durante o ano.

Seguro anual: este seguro, obrigatório, de taxa única, com vigência de 01 de Abril do ano de contratação ao dia 31 de Março do ano seguinte, cobre todas as atividades realizadas pela sociedade jovem que estejam relacionadas no Calendário de Planejamento Anual. É feito através de sua Associação/Missão, conforme a lista de membros cadastrados na sociedade jovem. Para informações sobre prazos, valores, e demais regras, entre em contato com a secretaria Departamental Jovem de sua Associação/Missão.

Seguro Excursão: seguro, de taxa por evento, com vigência estipulada no ato da contratação, cobre membros não cadastrados no seguro anual, até o prazo limite, para atividades específicas, como um acampamento de fim de semana ou passei à praia. Também cobre atividades específicas que não presentes no Calendário Anual, e assim não cobertas pelo Seguro Anual. A contratação é feita através do site da ARM Sul-Americana, e o valor da taxa (por pessoa) é estipulado conforme a modalidade escolhida e o número de dias a serem cobertos. Uma dica válida para a contratação deste seguro para o caso de viagens para atividades de mais de um dia é solicitar a vigência para um dia antes da partida e um dia depois da volta prevista, de modo a haver cobertura para eventuais ocorrências durante o percurso.

Ressaltamos a importância e obrigatoriedade do seguro contra acidentes pessoais para realização de qualquer atividade da sociedade de jovens em ambiente externo ao templo, de forma amparar a direção jovem, assim como a Igreja Adventista, em caso de eventualidades e fatalidades.

Cartões e Investiduras

O maior objetivo do líder deve ser a formação de liderança, pois já dizia um pensador “o sucesso sem sucessor na verdade é fracasso”. A segunda parte do Objetivo do Ministério Jovem tem que ver com “guiar no serviço”, e o que é este guiar se não capacitar para o serviço?

Registro de Liderança Jovem

“Baseados nos escritos de Ellen White e no crescimento populacional de jovens, foi elaborado o Registro de Liderança em três níveis, com a ‘Missão’ de treinar e orientar os jovens que escolheram trabalhar para Deus, buscando crescimento espiritual, desenvolvendo habilidades, especialização e preparo para servirem como líderes e exemplos.

“O Registro de Liderança Jovem é oferecido a todos os jovens adventistas batizados e com mais de 16 anos de idade. Cada nível de liderança deve ser alcançado separadamente, e em ordem progressiva: Líder – Máster – Máster Avançado. Independentemente da idade, cada participante deve começar pelo primeiro nível”. (Manual Jovem, pág. 25)

Para orientação, cumprimento, avaliação e validação dos requisitos de Liderança Jovem, são realizadas reuniões periódicas do Clube de Líderes. O Clube de Líderes é formado pelos aspirantes que estão cumprindo o cartão e um líder responsável pela avaliação e assinatura dos requisitos – este será um líder investido, ou na ausência de um graduado, pode ser feita pelo pastor distrital.

Medalhas

Com o objetivo de fortalecer a liderança dos líderes jovens e preparar cada jovem ganhador para assumir seu lugar como membro positivamente ativo em sua igreja e comunidade, há o Plano de Conquista de Medalha. Dividido em três níveis:

  • Bronze: jovens acima de 16 anos;
  • Prata: jovens acima de 18 anos;
  • Ouro: jovens acima de 20 anos.

A Conquista da Medalha deve ser planejada e ter seu cronograma aprovado pelo departamental de sua Associação/Missão. Para mais informações, entre em contato com a secretaria do departamental jovem.

Os cartões de Conquista da Medalha também são requisitos obrigatórios para o Registo de Liderança, em suas respectivas ordens (Líder-Bronze/Master-Prata/Master Avançado-Ouro), no caso de jovens que estejam realizando o cartão de Liderança e não possua a medalha correspondente deverá conquista-la conforme o requisito.

A equipe do Guia do Líder JA, está também preparando um material de apoio todo especial para auxiliar na implantação do Clube de Líderes e do Plano de Conquista da Medalha, aguarde.

Bibliografia
GANE, Bary. O Caminho de Volta (Tatuí, SP: Casa Publicadora Brasileira,2013).
Divisão Sul-Americana. Manual Jovem – Liderança, Editora Sobre Tudo, 2012.
ALLEN, Malcolm. Salvação e Serviço, o Desafio do Ministério Jovem. Editora Sobre Tudo, 2012.
Anúncios

2 comentários sobre “Iniciando no Ministério Jovem

Comente aqui... deixe sua dúvida, elogio ou pedido

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s